Não alimente a nóia.

Screenshot

Você está saindo com o rapaz há algum tempo e está tudo bem. Ele te manda mensagens quase todos os dias, ele te chama pra sair, ele te apresenta amigos e até conta histórias de família.

Mas nada disso conta, porque na quarta- feira ele demorou 2 horas a mais do que de costume pra responder a sua mensagem e não fez nenhuma pergunta. Na sua cabeça, isso é tudo que importa.

Eu não sei o que acontece na cabeça de nós mulheres pra alimentarmos essa nóia sem limites. Fico pensando em que momento foi que perdi o senso, porque claramente ele está perdido. O menino manda “oi tudo bem?” eu já estou dando print pra mandar pras amigas perguntando “se eu devo responder ou ele está acabando o assunto?”. Completamente sem noção.

E quando ele demora pra responder então, já começo a criar as linhas de raciocínio que levaram ele a desencanar de mim em questão de dias. Pode ter sido a ex. Ele pode ter pensado melhor no assunto e percebido que não quer um relacionamento agora, o que, na verdade, só quer dizer que ele não quer um relacionamento comigo. Talvez eu tenha dito alguma coisa errada ou nosso último date não foi tão bom. Às vezes ele não está sentindo que o sentimento dele por mim está evoluindo. Ou que ele nunca sente a minha falta. Porque a essa altura do campeonato o namorado da minha amiga já tinha começado a querer sair com ela dois dias no final de semana, mas a gente só sai um, será que isso é um sinal? Será que ele só estava saindo comigo por conveniência? Mas e os planos? Ele disse que nós iríamos jantar naquele restaurante da moda qualquer dia desses. E se ele só estava sendo educado?

E eu acho que a pior parte é exatamente essa: O não saber. Veja bem, eu era feliz antes dele e com certeza serei feliz depois, ninguém morre de amor. Mas, esse limbo do não saber é o que mata, porque você não sabe se comemora quando ele insinua planos para o futuro ou se já pode entrar em desespero a cada ínfimo sinal de distanciamento. O não saber é pior que o fim.

O problema é que monitorar a atividade dele no Whats, Face e Spotify (eu não tenho limites, eu sei) não vai fazer ele te responder mais rápido, confie em mim, eu sei do que eu estou falando. Na verdade isso só vai fazer com que a sua nóia que já é gigante, fiquei um pouco maior a cada vez que você pegar ele lá online no Whats te ignorando, na verdade a única coisa que você pode fazer nessas situações é pegar uma cadeira bem confortável e esperar. Ir fazer outras coisas, viver sua vida e deixar pra lá. Talvez ele realmente tenha desencanado, talvez ele não te queira mais ou talvez ele só não seja um grande fã de mensagens. Você nunca vai saber, então não alimente sua nóia.

Se permita 5 minutos de surto, fale alguns palavrões feios, peça conselho pra um amigo homem e depois respire fundo e cague pra ele, com cada célula do seu corpo.

Ainda bem que amanhã tenho terapia porque olha, é pra ficar louca sem ver Deus.

Anúncios

Não era amor, era falta do que fazer.

Captura de Tela 2014-03-25 às 01.26.15

As vezes a gente pensa que está apaixonada, na verdade a gente tem certeza que isso está acontecendo, os sintomas estão todos lá: o frio na barriga, a obsessão pelo celular, aquela alegria toda vez que recebe mensagem do fulano, a espera inútil pelo convite para um cinema, a masturbação mental do “será que ele me quer, será que dessa vez vai dar certo”, está tudo ali. Você está toda bobona pensando o se o fato de ele ter demorado mais de 10 minutos pra te responder quer dizer que:

a) Ele não te quer mais, já está pegando outra e essa é uma tentativa sutil de te dizer pra não puxar mais assunto, esqueça ele.

b) Ele está ocupado, fazendo alguma coisa importante do tipo, sei lá, vivendo. Já que ele é uma pessoa normal que não vive grudada no celular.

Eu sou o tipo de neurótica que sempre pensa na primeira, mas, secretamente, eu sei que a segunda é a resposta certa em aproximadamente 70% dos casos.

Enfim, o que acontece é que em algum momento todo mundo passa por isso e comigo não foi diferente, estava eu toda besta, gastando ATPs para descobrir se deveria usar um ou dois pontos de exclamação para responder a mensagem do indivíduo, quando cheguei para o almoço com uma grande (e sábia) amiga minha. E quando contei pra ela meu dilema e perguntei a sua opinião o diálogo foi mais ou menos esse:

– O que você quer com ele?

– Quero sair com ele.

– Ta, e o que mais?

– Não sei, não pensei nisso ainda.

– Amiga, deixa eu te contar, você não precisa de uma furadeira, você precisa de um buraco na parede.

– Como assim?

– Como assim que você não quer ELE, você quer um date. Alias, se eu te conheço bem, você só quer estar saindo com alguém, então ao invés de ficar aqui gastando energia com o boy que está se fazendo de difícil, mande uma mensagem pra aquele outro que vive correndo atrás de você.

E sabe de uma coisa?! Foi exatamente o que eu fiz. E sabe de outra coisa?! Foi o melhor conselho que alguém me deu na vida.

Galera se está difícil, está errado. Escolha outra vítima e move on.

Menino bonito. Menino bonito, ai….

tumblr_mqpsqmSmJL1sd75hqo1_500

Confesso, tenho um fraco pelos bonitos. #prontofalei

Pode ser maluco, pode ser sem noção, pode ser amigo do ex e até o mais Cafa dos Cafas. Se for bonito, a coisa fica feia. E que jogue a primeira pedra quem nunca cometeu o mesmo pecado. Porque convenhamos Brasil, quando o bonito chega chegando, não tem pra ninguém, nem mesmo pra o seu bom senso.

Eu entendo que beleza seja uma coisa bem subjetiva, mas cada uma sabe onde aperta o seu calo. E, no meu caso, o calo aperta quando um corpinho bonito é combinado com um cabelo comprido jogado para o lado (muito importante esse detalhe) e um alargador. Tem como resistir Brasil???

Não tem.

Se tiver tatuagem então. Só. Leva.

E é complicado, porque às vezes (99,9% delas), você sabe que não deve pegar o cara por N razões, algo te diz que algumas delas são bem importantes, tipo não magoar alguém, mas ai ele já esta com o braço em volta de você (aqueles braços maravilhosos, diga-se de passagem), e o mundo já começou a girar e quando você vê… Pronto. A cagada está feita.

Eu acho que Deus é muito injusto quando te coloca numa situação dessas, porque veja bem, é muito difícil negar qualquer coisa quando o cara é muito bonito, perceba, você fica meio retardada, ele te pergunta qual o seu nome e você só falta responder “Peraí que eu vô checar! Me dá só um minuto”, as suas respostas sempre parecem ter saído do Guia de Pegação da sua avó (e as piadas também). É terrível.

Esse já não é um problema que você tem com os feios. O feio ele consegue ver quem você é de verdade, porque você está zero interessada em impressionar, então você simplesmente é legal. Eu por exemplo, tenho o dom de impressionar TODOS os caras que eu cruzo na balada, com exceção do cara que eu quero pegar, porque lógico, com esse eu sempre viro uma completa imbecil, só falta babar enquanto falo com ele.

Agora me diz Brasil, o que eu posso fazer? Começar a olhar mais para o interior das pessoas e perceber que talvez os caras feios sejam a melhor opção?

Claro que não.

Porque eu estou trabalhando pra achar uma solução para o problema e não pra me jogar de cabeça no limbo dos relacionamentos néam?!

Então pra você que está se descabelando toda pensando “E agora José?” eu te trago uma alternativa, é claro que não vai resolver o problema, mas da pra tapar o sol com a peneira por algum tempo: Toda vez que eu vou responder alguma coisa pra um bonito a primeira coisa que eu faço é pensar, se ele fosse o (insira aqui o nome de qualquer amigo seu que seja feio e arraste uma asa pra você), o que eu responderia? Ai eu respondo. Claro que isso só quando estou conversando pelo Whats ou pelo Face, porque se eu demorar tudo isso pra responder o cara que está na minha frente, ele vai ter certeza que eu não bato bem.

Eu sei que tudo isso parece bem fútil, e talvez realmente seja, mas como eu já disse e repito, eu não estou nem ai. Não estou dizendo que eu SÓ olho para a beleza do cara, só estou dizendo que QUANDO o cara é bonito eu perco o chão.

E como já diria Céu, “Menino bonito. Menino bonito, ai…”

PS: Esse moço da foto não é de Deus né?! Fala sério…

Meu futuro marido.

convite

Sabe, outro dia estava conversando com algumas amigas, enquanto descascávamos paredes para um trabalho voluntário (fala sério, eu sou um exemplo de ser humano), e chegamos a uma conclusão óbvia, porém hilária: Toda mulher, não importando a idade ou a opção sexual, tem um marido imaginário. E quando digo marido imaginário, eu quero dizer, um coitado, que pode ou não te conhecer pessoalmente, mas que você, sozinha, resolveu que tem todas as qualidades necessárias para ser seu marido.

E o mais bizarro é que, a partir do dia que você resolveu que o dito cujo é seu marido, você já começa a contar isso prazamiga como se estivesse anunciando o noivado, ninguém mais pode olhar pro cara, você passa a ter ciúmes dele, se ele pega alguém, a menina passa automaticamente a ser uma sirigaita que não serve pra ele, se for sua amiga então, cabôamizade! Você passa a se referir a ele como seu marido e toda e qualquer história que envolva o nome dele, seja um “oi” que ele te deu ou a foto em que ele foi marcado, vira notícia digna de capa de revista.

A parte mais legal do matrimonio imaginário pra mim, é o stalkeamento. Porque, óbvio, logo após decidir o marido, você caça toda e qualquer informação disponível sobre o garoto no mundo da internet, se tiver data do aniversario então melhor ainda, já da pra combinar os signos no Google (adoro). Vai até o Face do menino e disseca, olha quem anda curtindo as fotos, se tem foto da ex, entra no face de TODAS as meninas que aparecem marcadas nas fotos (precisamos saber se elas são bonitas mesmo ou se foi só naquela foto), olha quem ele andou adicionando, se tem Instagram, se fica online no chat ou se faz o tipo low profile, ou seja, tudo.

Mas daí não sai disso, você sabe até a marca de cueca que ele usa, mas e daí? E daí nada, porque afinal de contas, ele não sabe de nada disso (amém). Ou seja, se você realmente acredita que o fofo tem potencial, vai ter que deixar de ser cagona e fazer alguma coisa, seja curtir uma foto, mandar um “oi” tímido no chat do Face, ou até mesmo ser bold e chamar o cara pra sair na cara dura.

Como diria um amigo meu:

“Chama o menino pra sair, mas chama with no regrets, porque na boa, o não você já tem”.

Boa sorte com seus futuros maridos, agora tenho que ir, to aqui ocupada montando o convite do casamento.

Não me cobre afeto!

Captura de tela 2013-05-31 às 01.07.08

A história é sempre a mesma, você foi pro badalo, conheceu o boy, ele pegou seu face, começaram a conversar, ele pediu seu telefone (pode começar a soltar fogos) e o Whatsapp entrou em ação.

Nos primeiros dias ele vinha falar com você de vez e quando, puxava um assunto aqui, outro ali, conversas curtas. Você achou fofo. Depois ele começou a vir falar com você mais vezes e o assunto não acabava mais como antes, ele sempre arrumava mais alguma coisa para falar, porém, apesar de gostar da atenção, você está começando a achar que o boy é meio psicopata tem mais o que fazer da vida e por mais que perceba o aumento significativo da atenção do lindo, continua a responder as mensagens no seu ritmo, afinal, ninguém aqui está á disposição.

E ai começa. Você fica uma hora sem olhar para o celular e quando olha, não vê uma, mas cinco mensagens, em horários diferentes, todas com perguntas. Ou seja, o cara mandou uma mensagem, você não respondeu, passou 15 minutos e ele mandou outra! Alôw desespero! Ok, você responde todas E GUARDA O CELULAR NA BOLSA, porque isso é o que as pessoas normais fazem, e vai fazer o que tem que fazer, tipo trabalhar, ir na academia, jantar, viver e etc… E quando olha o celular, tipo DUAS horas depois (não é como se você tivesse ficado anos incomunicável), tem lá umas 3 mensagens, todas do boy (óbvio), sendo que uma é um assunto X e as outras duas são mais o menos assim : “?????????”, “: (“, oii????”

Morri. De. Desgosto.

Eu queria aproveitar essa oportunidade, pra mandar um salve para o primeiro pentelho que pensou, “Nossa, ela não me respondeu! Já sei! Vou mandar outra mensagem com 15 pontos de interrogação AND uma carinha triste, porque assim ela vai ver como eu fiquei puto de ela ter demorado e vai responder imediatamente!”, sério amigão, você errou muito aqui. Eu não sei quem foi que disse que agir como um total neurótico vai fazer a menina te dar mais atenção, mas pode ter certeza, esse cara morreu solteiro. Fica puto, arranca os cabelos, bate a cabeça na parede e me ignora pra sempre, mas não me cobra afeto!

Odeio que me cobrem afeto, sério, não faz isso, manda a mensagem e espera eu te responder, ou ok, se você estiver morrendo de ansiedade pode até mandar mais uma falando outra coisa, completando a mensagem, sei lá, só não me venha com “você não vai me responder?”, primeiro porque se eu não for te responder essa pergunta não vai fazer a menor diferença e segundo porque, quando os caras fazem isso eu fico possuída e passo a ignorar o fofo de propósito, só pra ele aprender a esperar.

E o pior, esse é tipo de cara que, quando finalmente consegue arrumar um date com você, faz o que ?? Olha pra você e fala “blábláblá… você nunca fala comigo… você nem liga pra mim…”, convenhamos cadê o amor próprio desse encosto? Gente, eu estou te disponibilizando um tanto de afeto e carinho, se você não está feliz com esse tanto, não venha me encher o saco, ACHE ALGUÉM QUE TENHA MAIS PRA TE OFERECER, porque isso não se cobra! Isso sem falar que o meu ego (que já é imenso) vai parar na lua né?!  O que me faz menosprezar mais ainda o menino (#megera).

Sério pessoa desesperada, as mulheres curtem esse lance do cara que não te dá muita bola, tipo “Ó meu Deus, eu não sei o que ele está pensando” é legal isso, mulher adora um drama. Então com a próxima menina, segura a merda da sua onda e manda menos mensagens, você vai ver como mais dia, menos dia, ela vem te procurar.

Nível Atual de Comprometimento: Bonitinha, mas ordinária

top-cropped-4

To bandida.

O cara conversa com você, ele é hiper simpático, te da o maior boi da terra, anda de mãozinhas dadas com você NA BALADA, vocês passam horas conversando e você? Não, você não pega ele, porque está afim de fazer um doce. Quem nunca?

Aí dois dias depois se arrepende (óbvio) e encara as suas duas alternativas, ou toma uma atitude, ou toma no cu. Eu, como sou eu, óbvio que escolhi a primeira opção e, como era de se esperar, fiquei na posição mais vulnerável da situação. Tomando no cu.

Como você pode perceber o fato de você fazer doce e depois se arrepender sempre vai fazer você tomar no cu, o que não é legal então evitem. Mas ok porque, como já diria “Teoria da Atração que A Minha Amiga Inventou”homem atrai homem. E ela estava certa porque enquanto esse cidadão está me fazendo perder os cabelos, outros dois estão sendo alegremente esnobados por mim.

Primeiro um deles me chamou pra jantar, o que não deixa de ser um programa legal mas sei lá, preguiça desse primeiro date. Então inventei que estava super ocupada esse fim de semana #diva e não fui. Depois um outro veio me mandar mensagem na sexta a noite, querendo se encontrar com a minha pessoa (sucesso, a gente vê por aqui) e me chamando pra ir no aniversário dele no dia seguinte. Compromisso esse que eu não pude comparecer por motivos de: Não estava afim. É claro que eu também não contei isso pra ele néam, eu mandei lá uma groselha e disse que não ia poder ir.

Enfim, chegamos a conclusão que, o motivo de eu estar sozinha não é que os homens são todos um cafajestes que não querem nada com nada e a humanidade não tem solução. Não. O motivo de eu estar sozinha é só um: Eu estou bem assim. E como já diria vovó, não se mexe em time que está ganhando, e o meu time minha querida, está quase na final da Libertadores, sem nenhuma derrota e alguns empates.

Sendo assim, continuarei alegremente tomando no cu com o candidato número um, perdendo meu tempo pra descobrir a maneira menos imbecil de continuar a conversa, e caindo lindamente na gandaia com azamiga no final de semana.

Porque convenhamos, pra relacionamentos sérios, eu não to valendo nem uma pipoca molhada.

Hoje é dia de maldade

que_maldade_com_o_pintinho

Estava eu linda na minha casa, quando um bophe me manda uma foto dele comigo em um bloco no carnaval do Rio, assim de graça Brasil, ninguém pediu, mandou porque deu vontade. Ok guardem essa parte da história.

Começa a segunda parte. Sábado a linda(eu) sai e conhece um boy:

Lindo: Check!

Educado: Check!

Gente Boa: Check!

Estiloso: Check!

Que mostra todo o interesse possível vindo falar comigo e me chamando pra conversar one to one no andar de cima da balada. Passou o Face, descreveu a foto, contou da vida, perguntou da minha e até me chamou pra uma after party depois da balada. Agora pergunta: me pegou???? Não.

Eu, que sou uma alma caridosa pensei “ah, vai ver o menino é mais tímido, (leia-se lerdo pra caralho) vou dar mais uma chance”. Beleza, adicionei o indivíduo, ele aceitou, agora pergunta, veio falar comigo? Não. Mano, se tem uma coisa que tira a minha saúde é nego que me adiciona pra me deixar no fondue, “deixa cozinhando até eu ter vontade de comer”. Pra que passou a merda do Face se tinha zero interesse em manter contato no momento? Pra que aceitou? A pessoa poderia simplesmente ter ignorado o pedido e pronto, a mensagem estaria entregue!

Depois desses dois ocorridos, você pensa, saldo positivo, um boy está cagando o outro está atrás de você, tudo equilibrado né?! Não. E você sabe porque não? Porque quando alguém te ignora não há nada mais gostoso do que descontar sua ira em alguém e agora me diz Brasil, a pizza caiu na cabeça de quem??? Do fofinho que veio atrás de mim!

É maldade? Sim. É justo? Não. Mas quem liga? No momento estou sentada no sofá olhando a luzinha do celular piscar, me sentindo a Imperadora do Universo Triunfal Deusônica e pensando, depois eu respondo, nem que seja só pra falar “Oi, não vou mais responder. Beijo Carinhoso”, porque ser educada é indispensável.

Por um mundo com menos fondues e mais machos alfa.