Diga-me com quem namorou e eu te direi que já fuçei a vida dela.

Screenshot004

Existe um bicho, dentro de cada um de nós, chamado curiosidade. E é ele o responsável por fazer você disseminar todas as redes sociais do seu bofe até achar a ex dele. Não importa se você vai ter que voltar 236789 weeks no Insta, ou se você vai ter que ficar horas fuçando cada um dos anos do perfil no Face até achar um post, ou uma foto, ou qualquer que seja o fio de cabelo no paletó, que te diga, com certeza absoluta, que aquela é a ex. Porque como já dissemos aqui:

Mulher precisa saber, isso é tudo que importa.

Isso costuma acontecer depois que ele cita a menina, porque até então você fechava os olhos para o fato que um dia aquela pessoa teve uma namorada, a gente gosta de se enganar.

E quando ele sem querer chama a menina pelo nome?! Se tem uma coisa que me deixa mais na nóia que isso, desconheço. Porque uma coisa é ele dizer “minha ex” e outra coisa é ele dar nome para o monstro, perceba, Minha Ex é como um ser mítico que um dia esteve presente na vida dele, ela está na mesma categoria do Bicho Papão e o Homem do Saco, exatamente onde nós queremos que ela permaneça. Obrigada.

Eu acho que nós, mulheres, somos programadas pra odiar ex-namoradas, a mina pode ser a gêmea da Olivia Palito, você vai olhar e dizer “Alá o supositório de baleia”. Parte disso é porque nos sentimos naturalmente ameaçadas por aquela menina que um dia já despertou o interesse do seu boy, mas a principal razão é porque você sempre acha que a ex do cara vai se parecer com você, ou seja, vai ser no mínimo maravilhosa. Secretamente, você quer olhar o perfil da menina e pensar “seria amiga dessa mulher, ela deve ser legal” porque isso quer dizer que ele só se interessa por pessoas legais e incríveis, e que você está nesse seleto grupo. Então quando você percebe que a menina não passa de um ser humano comum, meio idiota, com cara de fofa que te irrita, QUE AINDA NÃO TIROU O STATUS NAMORANDO DO PERFIL, você passa a odiá-la, por ter destruído seu sonho azul.

Quem não tira o status namorando do perfil depois de ter acabado? Fala pra mim com que tipo de animal estamos lidando?

A partir de então você, inevitavelmente, começa a se comparar com ela. Pensar que talvez você também seja fofa, ridícula e sem graça e ninguém te contou, ou pior, que talvez você não tenha nada a ver com ela e isso quer dizer que o bofe nunca vai te amar porque você não é o tipo dele. E essa possibilidade te deixa revoltada, porque afinal de contas você é a diva com cabelo de comercial de shampoo, você sabe combinar estampas, você fala 2 línguas e meia e lê Bukowski no seu tempo livre. Você vai na fucking academia e você é legal.

Porque motivos esse cara que você acha tão incrível namorou essa menina? E mais importante que isso, porque ele ainda não mandou ela mudar esse status porque ela tá passando vergonha te chamou pra sair essa semana, afinal de contas você dá de 1000 nela, todas as suas amigas te falaram. Ele mesmo já apontou vários defeitos horrorosos dela (que você não tem), em conversas casuais, que ela era um grude, que ela era burra, que tinha um péssimo gosto musical, então porque? A essa altura do campeonato já era pra ele estar te pedindo em casamento!

E então você entra em parafuso e começa a pensar no pior, porque nada, NADA, supera a nóia de que eles ainda estão se pegando.

Você começa a criar cenários onde TODAS AS VEZES que este encosto está online no caralho do Whatsapp e não está “Digitando” pra você, ele está falando com a mina, óbvio. Em nenhum momento passa pela sua cabeça que talvez ele esteja falando com o chefe dele, com a mãe dele, com o melhor amigo sobre videogame, nãããaaaooo… Porque nesse momento você não está mais sendo racional, aceite.

É claro que a partir daí você passa a odiar o menino, como ele pôde te trocar por aquela ex, ridícula. Já está fazendo uma macumba pro cabelo dessa mina cair. Porque alguns homens gostam de mulheres chatas?

Não digo só chatas no sentido de implicantes, estou falando chatas no sentido “boring”, sem sal, desinteressantes, clichês, sem noção, FOFAS QUE ME IRRITAM. Aquele tipo que você olha a foto e diz “já vi tudo”, não tem mistério, nem glitter de carnaval em dia de semana (porque isso é essencial). É só o que está ali, uma meia dúzia de selfies, com uma “cover photo” de praia e o mesmo penteado em todas as fotos disponíveis.

E ele namorou com isso.

Então talvez ele também seja ridículo e chato, talvez ele não seja pra você, aliás, é exatamente isso, ele definitivamente não é pra você, agora você já pode desencanar e ser feliz, não precisa mais se preocupar se ele vai responder suas mens…

…OOOOUNNNNN ELE MANDOU MENSAGEM

E assim o bofe ganha mais algumas horas de validade, até a próxima nóia bater à porta. Só não se esqueçam que homem normalmente tem mais de uma opção, nunca duvide da filhadaputice de ninguém. E se ele realmente preferir a ex, querida, o problema está nele, não em você.

Dieta do instagram

Captura de Tela 2014-12-17 às 00.55.05

E então esse dia chegou. Você estava lá de boa na lagoa quando, de repente, visualiza a foto que o ex acaba de postar. O registro fotográfico mostrava um momento lindo em que ele, aparentemente, confraternizava com amigos em alguma praia. Uma foto linda, diga- se de passagem, a luz estava perfeita, o filtro valorizou a foto, ele saiu bem… A única coisa errada nessa foto era a piriguete abraçada nele, que claramente saiu ali por engano né, ela provavelmente tropeçou e, acidentalmente, trombou com ele bem no momento em que a foto foi tirada. Óbvio.

Uma luzinha vermelha bem lá no fundo do seu inconsciente começou a piscar e a luzinha dizia: “Ele tá pegando essa seriema”. Mas você respirou fundo e, antes de entrar em desespero e sair pra comprar as velas da macumba, foi dar uma pesquisada pra ter certeza que a garota era digna da sua ira, afinal de contas, não queremos cometer injustiças aqui.

Assim começa uma obsessão.

A partir desse momento, seu imaginário vai criar vários cenários tenebrosos, onde o bofe que costumava ser seu, agora manda mensagens de bom dia para outra menina, come fondue com outra menina, vai no cinema com outra menina e o que é pior, deixa ela escolher a música no carro. Porque até então você até aceitava a possibilidade de ele estar pegando outra, mas essa outra não tinha um nome, nem um rosto então havia nada que você pudesse fazer. Mas agora o universo te apresentou essa foto e um ninho de pulgas viverá atrás da sua orelha até que você descubra, com certeza absoluta, qual é o grau de importância que a quenga tem na vida dele.

Porque mulher tem isso, a gente precisa saber, isso é tudo que importa.

E aí começa a contagem:

Número de vezes que você visualizou o face do bofe na última hora: 25

Número de vezes que você visualizou o insta do bofe na última hora: 9

Número de vezes que você visualizou o face da mina na última hora: 21

Número de vezes que você visualizou o insta da mina na última hora: 5

Tempo gasto procurando evidências de que este Animal com Tetas anda pegando o seu Ex Homem, na última hora: 60 minutos

Como você pode perceber a pessoa acima, que poderia muito bem ser eu ou você, acaba de perder uma hora da vida dela sendo paranóica. Parabéns. Mas nem tudo está perdido, porque pra tudo há uma solução, então antes de se render a paranóia, faça um favor a si mesmo: Não siga seu ex.

Mas se você é daquelas que não vai me ouvir, ou se você só não quer que ele saiba o quanto ele te afeta, então aqui vai uma dica: Entupa o seu insta com fotos legais, de contas que vivem postando coisas novas e que, além de diminuir drasticamente as chances de você ver qualquer bobagem que o mongol possa postar (isso realmente funciona, já testei), ainda vão te inspirar a fazer fotos mais legais e ganhar vários likes.

Então aqui vão 5 contas de pessoas que realmente sabem o que estão fazendo com o insta e vão ajudar a te

distrair:

Porque o que realmente importa na vida é ter likes.

O álcool e o meu celular.

1150368_596261247063565_421305446_n

Eu acho que alguém tinha que inventar um aplicativo que coloca o seu celular no modo de emergência e só permite que você ligue para a polícia, os bombeiros ou o 99táxis todas as vezes que você tenta usar o celular bêbada. Porque se tem duas coisas que não combinam nessa vida, é o álcool e o seu celular, juntos na mesma balada.

Eu não sei o que acontece, mas parece que quando você fica bêbado as pessoas que estão com você simplesmente não bastam, você pode estar com 50 amigos, 2 peguetes e 5 prospects, não interessa, os contatos do Whatsapp que não estão presentes vão sempre parecer mais interessantes. E é exatamente aí que mora o perigo, porque a maioria dos contatos que não estão na festa normalmente estão sóbrios, e você… Bom, você não.

Isso sem contar que bêbado é uma desgraça né?! Você nunca sabe a hora de calar a boca, tudo que você está fazendo, seja vendo grama crescer ou dando em cima do mocinho do bar, parece uma notícia digna de capa de revista.

E a intimidade então? Se der o celular na minha mão eu sou capaz de mandar DM até pro Caio Castro dizendo: E aí gatinho, onde você tá?!

Saudades senso do ridículo.

Bom, seguindo essa linha de pensamento, eu resolvi que levar outro celular (mais baratenho e passível de roubo) para a balada seria uma brilhante ideia, já que eu não ia ter que me preocupar em perder o celular (que me custou um rim e dois dedos do pé), nem tampouco correr o risco acabar os romances que ainda nem começaram, eu mataria 2 coelhos com uma caixa d’água só não é mesmo???!! Não, porque por algum motivo bizarro (mea culpa, mea máxima culpa), o meu Whatsapp sincronizou os contatos dos dois celulares, ou seja, logo no primeiro final de semana eu já fiz o favor de mandar mensagens para TODOS os meus contatos do app.

O pior de tudo é que não eram mensagens normais, do tipo: Eai!

Eram coisas completamente sem noção, do gênero: “Onde você tá?!” dedicada ao Carinha Que Eu Ainda Não Peguei, “Qual é a boa de hoje?” dedicada ao Meu Ex, ás 3 da manhã (porque timing é tudo na vida), “Comom você tá, vamos sair?” dedicada ao Meu Amigo Que Está No Intercâmbio, ás 4:30 AM (novamente com o timing) e finalmente “Passeiz na frent do burdog e lemlbreu de vicê” dedicada ao Meu Amigo Gato por volta das 5 da manhã (eu não faço ideia do porque eu mandei essa).

É claro que tiveram muitas outras, contando com uma conversa inteira por áudio com uma amiga, contando sobre os perigos de se pegar um ônibus sozinha na madrugada de Londres.

Na manhã seguinte eu não sabia se mandava mensagem avisando “mal ae galera”, se só fazia a Shakira e fingia que nada a aconteceu ou se cavava um buraco no chão, me jogava dentro e pedia pra alguém cimentar, me poupando de ter que encarar aquelas pessoas algum dia. Mas, como era de se esperar, meu bom senso venceu a ressaca e eu fiz a completa louca e optei pela segunda opção. Afinal de contas, maturidade e seriedade sempre né gente?!

Meu futuro marido.

convite

Sabe, outro dia estava conversando com algumas amigas, enquanto descascávamos paredes para um trabalho voluntário (fala sério, eu sou um exemplo de ser humano), e chegamos a uma conclusão óbvia, porém hilária: Toda mulher, não importando a idade ou a opção sexual, tem um marido imaginário. E quando digo marido imaginário, eu quero dizer, um coitado, que pode ou não te conhecer pessoalmente, mas que você, sozinha, resolveu que tem todas as qualidades necessárias para ser seu marido.

E o mais bizarro é que, a partir do dia que você resolveu que o dito cujo é seu marido, você já começa a contar isso prazamiga como se estivesse anunciando o noivado, ninguém mais pode olhar pro cara, você passa a ter ciúmes dele, se ele pega alguém, a menina passa automaticamente a ser uma sirigaita que não serve pra ele, se for sua amiga então, cabôamizade! Você passa a se referir a ele como seu marido e toda e qualquer história que envolva o nome dele, seja um “oi” que ele te deu ou a foto em que ele foi marcado, vira notícia digna de capa de revista.

A parte mais legal do matrimonio imaginário pra mim, é o stalkeamento. Porque, óbvio, logo após decidir o marido, você caça toda e qualquer informação disponível sobre o garoto no mundo da internet, se tiver data do aniversario então melhor ainda, já da pra combinar os signos no Google (adoro). Vai até o Face do menino e disseca, olha quem anda curtindo as fotos, se tem foto da ex, entra no face de TODAS as meninas que aparecem marcadas nas fotos (precisamos saber se elas são bonitas mesmo ou se foi só naquela foto), olha quem ele andou adicionando, se tem Instagram, se fica online no chat ou se faz o tipo low profile, ou seja, tudo.

Mas daí não sai disso, você sabe até a marca de cueca que ele usa, mas e daí? E daí nada, porque afinal de contas, ele não sabe de nada disso (amém). Ou seja, se você realmente acredita que o fofo tem potencial, vai ter que deixar de ser cagona e fazer alguma coisa, seja curtir uma foto, mandar um “oi” tímido no chat do Face, ou até mesmo ser bold e chamar o cara pra sair na cara dura.

Como diria um amigo meu:

“Chama o menino pra sair, mas chama with no regrets, porque na boa, o não você já tem”.

Boa sorte com seus futuros maridos, agora tenho que ir, to aqui ocupada montando o convite do casamento.